Foto: Athletico Paranaense

O Flamengo foi derrotado por 3 a 0 para o Atlhetico-PR, dentro de casa e diante de sua torcida. O time que foi apático por grande parte do primeiro tempo, mostrou toda a desorganização que tem sido o clube nas últimas semanas (seja dentro de campo, quanto internamente). Com 8 gols sofridos nos últimos 3 jogos, a última vitória do Flamengo foi há 5 jogos atrás. No coletivo a equipe vem desastrosa, tecnicamente quase todos os atletas caiu de produção e a pressão fica cada vez maior sobre Renato Gaúcho que parece ser uma bomba relógio pronta pra estourar faltando exatamente 1 mês da final da Libertadores.

Vamos às análises dos jogadores do Flamengo

| F. Luís – Uma das piores partidas do Filipe com a camisa do Flamengo, foi irreconhecível após o lance que originou o pênalti pro time paranaense. Sentiu o golpe e não teve mentalidade para se manter bem na partida. 2,0

| Léo Pereira e Rodrigo Caio – No segundo tempo o Léo foi até importante para o rubro-negro conseguir subir as linhas de construção, mas não omitiu a PÉSSIMA atuação do defensor ao lado de Rodrigo Caio nesta noite. Até por isso a nota vai ser coletiva aos dois zagueiros. 3,0

| Arão – Outro que sentiu a pressão da partida. Em momentos que era pressionado não conseguiu ser efetivo a equipe. O camisa 5 poderia explorar mais as ultrapassagens ao fundo e ser uma peça surpresa ao ataque, mas não aconteceu. 4,0

| Andreas – Subiu de produção quando voltou a atuar como segundo volante. Algo que poderia ter sido pensado desde o início da partida, já que o Belga vem de atuações ruins na função de armador. 4,0

| Everton Ribeiro – A fama de ”pouco decisivo” fica cada vez mais marcado para o camisa 7. Everton não é efetivo pelo lado esquerdo e foi mais um jogou nada agregador ao ataque. 4,0

| Gabigol – Um problema tático com o Gabriel que o Renato precisa arrumar. O camisa 9 parece um pouco sem função sem a bola no pé, e não por recuar muito e sim por deixar a área vazia, sem centroavante em contra-ataques que o próprio tenta sair pra puxar. 3,0

Renato errou e vem errando em muitas coisas, a ausência do Arrasca por mais que seja muito importante, já era pra ser definida há muito tempo, já que o camisa 14 está fora do time há 1 mês. A falta de repertório incomoda a torcida, mas ainda acho que uma demissão não é a solução, infelizmente. O time precisa recuperar o foco e tentar voltar a ganhar, depois se preocupar com o futebol bonito.

SRN

Twitter: @pabloraphaelrua

Comentários do Facebook