museu
Reprodução

Para tentar aumentar ainda mais a visibilidade do clube, o Flamengo revelou, em novembro de 2021, um projeto para criar um novo museu. O local seria a sede da Gávea. Nesse sentido, a diretoria rubro-negro tem como objetivo, fazer do local, um ponto turístico no Rio. A obra, no entanto, sofreu um atraso no cronograma e teve o prazo de entrega adiado.

Entre os projetos apresentados pela gestão Rodolfo Landim na campanha da reeleição, o novo museu do Flamengo era um dos mais esperados. No entanto, as obras no local estão atrasadas e só devem ser finalizadas em dezembro, cerca de seis meses depois da primeira estimativa do Rubro-Negro.

Como mencionado anteriormente,  Flamengo apresentou o projeto em novembro do ano passado, uma semana antes de viajar para Montevidéu, visando a final da Libertadores. No edital previa-se que R$ 18 milhões fossem direcionados às obras. O evento contou com presenças de ídolos como Adílio, Andrade, Mozer e Uri Gueller.

Twitter: @diego_alarconf

Comentários do Facebook