Flamengo
Gilvan de Sousa/CRF

Enfim a temporada se encerrou para o Flamengo. O elenco que começou com desconfianças nas mãos de Paulo Sousa, terminou com glórias na mão de Dorival Júnior. Isso porque sob seu comando, o rubro-negro venceu a Copa do Brasil e se sagrou Tri da Libertadores. Contudo, a derrota para o Avaí, na tarde deste sábado, não apagou o brilho da temporada e muito menos manchou a despedida de Diego Alves, que não jogará mais pelo Fla. Nesse sentido, o goleiro falou com muita emoção sobre seus anos com a camisa rubro-negra.

“Ficou marcado. Quando você cria uma identificação com o Flamengo, com o time, você leva isso para o resto da vida. Foi o que aconteceu. Me doei ao máximo todos os dias para poder representar da melhor maneira. Fico feliz por tudo que eles fizeram não só hoje, mas toda essa caminhada. Como eu disse: o Flamengo é diferente. Isso dá prazer e eu sou muito grato por tudo que eu vivi por aqui”.

Flamengo
Gilvan de Sousa/CRF

O goleiro chegou ao Flamengo 2017, após se consagrar pelo Valência-ESP. O agora ex- camisa 1, conquistou 11 títulos no Flamengo: Brasileirão 2019 e 2020, Libertadores da América (2019 e 2022), Supercopa do Brasil (2020 e 2021), Copa do Brasil (2022), Recopa Sul-Americana (2020) e Campeonato Carioca (2019, 2020 e 2021).

Em suma, Diego Alves não deve encerrar a carreira ainda. O jogador vai usar o período de férias para pensar em seu futuro, contudo, tudo indica que seu destino seja o Grêmio.

Twitter: @diego_alarconf

Comentários do Facebook