Segurar todas as peças que foram campeões da libertadores é bem difícil, mas para ter uma base vitoriosa por muito tempo, o Fla, não pode deixar todo mundo sair. Irei dividir pelas informações que recolhi em três chances de saída: Baixa (pouco provável), média (apenas sondagens) e grande (há propostas).
Veja a situação de cada jogador:

| Diego Alves, Rafinha, F. Luis, Everton, Arrascarta e Arão são os jogadores do time titular que ainda não estão com propostas e nem sondagens para a próxima temporada.

| R. Caio – O zagueiro tem sido observado pelo futebol da Espanha, desde a época do São Paulo e agora em boa fase não vai ser diferente. Olheiros do Barcelona monitora o jogador. Em minha visão, chance média de sair.

| P. Marí – O espanhol está começando a ser especulado pela primeira divisão da Espanha, Servilla já mostrou interesse mas o zagueiro está adaptado no Brasil. Chance baixa de sair.

| Rodinei – O lateral tem contrato com o Fla até 2022. Após os títulos e jogando algumas vezes, o Eibar da Espanha, tem interesse no camisa 2, negócio pode ser bom para o Fla ao girar em torno de 5 milhões de euros. Grande chance de sair.

| Gerson – O volante caiu como uma luva no meio do Fla, com isso o Barcelona, também tem interesse no jogador. Agora o empresário dele é o pai do Neymar. Grande chance de sair.

| Diego – O camisa 10 é um sonho antigo do Santos, e já recebeu propostas do time alvinegro, mas o mesmo disse que quer encerrar a carreira aqui. Pouca chance de sair.

| Bruno Henrique – O melhor jogador da América está sendo muito assediado, o mercado chinês em peso quer o atacante. Mas o alvo dele é a Europa e de lá ainda não chegou propostas. Chance média de sair.

| Gabigol – Ainda não respondeu ao Flamengo sobre a proposta de renovação, o atacante QUER jogar na Europa, isso não é novidade, mas ele quer um gigante europeu. Com os valores muito alto, difícil o camisa 9 ficar. Grandes chances de sair.

Comentários do Facebook