Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Após a conquista do bicampeonato da Supercopa do Brasil, o técnico Rogério Ceni concedeu entrevista coletiva a imprensa

O treinador rubro-negro foi inicialment questionamento qual foi seu o maior mérito da equipe para o título

“O maior mérito não é só do jogo, eu acho que o planejamento que a gente fez para estar aqui. No início do Carioca muitos questionaram a gente não estar na beira do campo. Nós demos alguns dias de folga e conseguimos trabalhar duas semanas”.

Ceni destacou a peso do manto sagrado:

“É um clube que a camisa pesa muito, quando chega em decisões, a camisa do Flamengo pesa muito”.

Mas também reconheceu o que Flamengo jogou abaixo neste domingo (11)?

“Reconheço que foi um jogo abaixo do que fizemos nos dois primeiros jogos”.

Questionado pelo jornalista do canal Urubu Interativo, Wesley Ramon, sobre a afirmação de Abel Ferreira que o Flamengo teria “o melhor juiz do Brasil”, Rogério passou “panos quentes” na situação:

“Eu prefiro que, como é um técnico europeu,  pensar que foi no calor do jogo. Não sei se foi meio ou no final do jogo. E acho que é normal, as vezes na derrota se busca arrumar subterfugios. Mas com a cabeça mais fria ele vai reconsiderar a decisão”.

Questionado sobre Diego Alves, Rogério exaltou o arqueiro da Gávea e a importância da continuidade de seu trabalho

“Eu fico feliz por alguns motivos, o primeiro deles foi em dezembro, o Diego estava para sair do Flamengo e eu sei o valor da experiencia de um goleiro de 35 anos, o que ele pode acrescentar. Ele devolve o esforço que foi feito para a permanência dele”.

Por fim,Ceni explicou porque tirou Bruno Henrique no fim da partida

“Michael teve boas jogadas individuais, Vitinho também. Gerson e BH eu nao queria tirar, mas eles nao aguentavam mais. O Gabigol veio na beira do campo falar para nao tirar ele (BH) mas ele disse que nao aguentava mais”.

Com a conquista, Ceni acumula seu segundo trófeu como treinador do Mengão!

SRN

Twitter: ds_fortunato

Quer receber as notícias do Mengão em seu celular? É fácil, basta clicar aqui para mandar mensagem no whatsapp. Se quiser salvar nosso contato manualmente: (21) 97657-1598. Ou se preferir, entre no nosso grupo do Telegram: Clique para ir ao Telegram