Rio
Reprodução

O ex-presidente do Atlético-MG, Sérgio Sette Câmara, opinou sobre a sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que tem a sede no Rio de Janeiro. Segundo o ex-dirigente, o órgão precisa se manter em campo neutro, para não abrir margens para preferências.

A princípio, Sérgio Sette declarou que o Flamengo é o grande beneficiado por ter a CBF na sua cidade. Através de rede social, o ex-dirigente do Atlético disse:

“Sempre fui contrário a permanência da CBF no Rio. Confraria carioca tem que acabar. Precisamos lutar pela mudança para Brasília”

Sérgio Sette comandou o clube de Minas de 2017 a 2020, época em que o Atlético venceu dois títulos estaduais. Atualmente, o presidente do time é Sérgio Coelho.

Twitter: @fabricialjor

Comentários do Facebook