Foto: Reprodução

O Flamengo pode retornar ao Brasil como tricampeão da Libertadores, no próximo domingo (30). Acontece que em caso de título sobre o Athletico, lá em Guayaquil, a Nação não contará com o desfile do elenco no centro da cidade, como ocorreu em 2019. A decisão é devido ao período eleitoral, visto que é no mesmo dia da votação do segundo turno das eleições presidenciais no Estado. Aliás, segundo o presidente Rodolfo Landim, até o acesso ao aeroporto será bloqueado para não ter contato com torcedores e imprensa.
— Caso o Flamengo vença a competição, não faremos festa. Não adianta irem até ao aeroporto, pois terá uma evacuação diferente de tudo que já foi feito. O objetivo é todos irem para casa e votar. Depois que tivermos essa festa cívica, aí podemos pensar em caso de comemoração -, explicou o mandatário.

Comentários do Facebook