Foto: Paula Reis / CRF

O Flamengo investiu na contratação de 3 scouts para a base em 2023 e ampliou o número para 14 observadores espalhados por todo o Brasil. A captação de jovens talentos se tornou mais agressiva e o clube conseguiu trazer jogadores de todas as regiões do país.

NOVOS SCOUTS E TIMES PARCEIROS DO FLA

Neste ano, o clube contratou pela primeira vez um captador para região sul. Vale destacar que o Flamengo tem times parceiros na captação nas regiões sul (Trieste-PR), centro-oeste (C.E Wilson Goiano) e nordeste (G.R Pague Menos).

Imagem

Parceria firmada entre Flamengo e C.E Wilson Goiano – foto: arquivo pessoal

O MONITORAMENTO E A CONTRATAÇÃO DE GRANDES JOIAS

Na base, o Mais Querido se tornou ousado no mercado conseguindo contratações de grandes talentos como é o caso do meia-atacante Ryan Roberto que chegou no decorrer da temporada para reforçar o sub-15. Ele é considerado uma das maiores joias da geração 2008 do futebol brasileiro e estava no Athletico-PR, o percentual ficou dividido em 50% para cada lado.

Um outro talento que o Fla contratou foi o Kevyn Wallace, de apenas 10 anos, que tem passagens por Corinthians e RB Bragantino. Ele é agenciado pela empresária Rafaela Pimenta, a mesma que cuida da carreira de Pogba e Haaland.

O Fla conseguiu trazer jogadores destaques do sul, sudeste, norte, nordeste e centro-oeste. Fora do Rio de Janeiro, os estados de São Paulo, Paraná e Santa Catarina são os que mais tiveram atletas chegando na base do Mengão.

CAPTAÇÃO FORA DO BRASIL

Fora do Brasil, o Mengão reforçou seu plantel contratando jogadores sul-americano e também do continente africano. A novidade ficou por conta do primeiro nigeriano contratado para base do Flamengo: o atacante Oluwashola Ogudana, de 18 anos (2005), destaque do Remo Stars da Nigéria.

Shola está se recuperando de uma lesão e com isso ficou de fora da Copinha. O seu contrato de empréstimo vai até junho de 2024.

O DSFLA monitorou atletas em diversas competições como Mundial sub-20, Libertadores sub-20 e torneios em países do continente africano.

O Departamento de futebol de base do Flamengo busca formar jogadores para o time profissional e com o DNA vencedor.

No início de 2024, o Fla irá receber diversos jogadores para avaliação.

SAÍDAS DE ATLETAS QUE TEVE EM DEZEMBRO

O Flamengo decidiu liberar os atletas apenas no final do ano em função da escola, é um processo natural do clube. Atletas saem e chegam no decorrer do ano.

É natural que ocorra saídas em julho e dezembro, período de férias escolar. O clube dá total apoio ao ensino dos jovens atletas.

Com o objetivo de qualificar cada vez mais o elenco, o atleta que era destaque em 2018 e 2019 se não mantiver a evolução em 2023 acaba perdendo espaço para outrora que evoluíram ou até mesmo que chegaram.

A matéria foi feita pela equipe do Canal Flazoeiro em parceria com o site Urubu Interativo.