notícia da morte do astro Kobe Bryant foi um choque para os amantes do esporte. Vítima de um acidente de helicóptero, o ex-jogador da NBA tinha 41 anos.

O que poucos se lembram é que o ala chegou a negociar com o Flamengo para defender o clube em 2011, quando Ronaldinho, amigo pessoal do norte-americano, estava na Gávea.

À época, a imprensa brasileira noticiou que um grupo de empresários ofereceu os serviços do atleta do Flamengo. No entanto, os valores assustaram o então diretor da modalidade, Arnaldo Spiro.

O estafe do atleta teria pedido U$ 1 milhão de dólares por mês, além de seis seguranças, um carro blindado e uma cobertura no Leblon. As cláusulas, claro, afastaram a possibilidade de Kobe vestir a camisa do Flamengo.

Comentários do Facebook