Flamengo
Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

O Flamengo entrou em campo na noite desta terça, pela Taça Libertadores. O time comandado por Paulo Sousa, recebeu o Sporting Cristal, no Maracanã e venceu pelo placar de 2×1, com mais uma terrível falha do goleiro Hugo Sousa. Entretanto, o Rubro-Negro, que já tinha o primeiro lugar do grupo H garantido e a vaga nas oitavas assegurada, bateu sua própria marca na competição.

Resumão da partida

O primeiro tempo começou como nos últimos dois jogos, com o Flamengo dominante, marcando a saída de bola adversária e ficando com a bola no pé. Isso, mesmo com o time modificado e sem um meia de origem para armar o jogo. Entretanto, a falta desse organizador fez diferença, pois o time de Paulo Sousa pouco criava situações de gol. Tanto que a primeira grande chance do jogo, foi do Sporting, com um chute na rede, mas pelo lado de fora.

O gol Rubro-Negro saiu aos 29 minutos com Isla, quando David Luiz faz o lançamento, a bola desvia no meio do caminho e sobra para o chileno. Ele dominou e tocou na saída do goleiro. A bola resvalou e entrou calma no gol peruano. Após o gol, Lázaro perdeu uma grande chance e após isso, os Peruanos pouco ficavam com a bola e o Rubro-Negro, pouco criava ofensivamente.

A segunda etapa começou no mesmo ritmo que a primeira se encerrou, com o Flamengo tendo a bola, mas em marcha lenta na hora de oferecer perigo ao gol peruano. Contudo, após as entradas de Bruno Henrique e Andreas Pereira, o time melhorou e passou a jogar com mais velocidade e mais perigo ao gol adversário. Nesse sentido, aos 28 minutos, saiu o segundo gol Rubro-Negro. Andreas cobra falta sofrida na área e Pedro sobe mais alto que a defesa e cabeceia na gaveta direita de Alejandro Duarte, para aumentar o placar.

O Rubro-Negro  ainda teve duas chances, também de cabeça,  para fazer o terceiro mas, a bola de David Luiz parou na trave e Lázaro jogou para fora. Apesar da melhora do Flamengo em campo, foi o Sporting que conseguiu o gol. Aos 39 min, Gonzáles dibla para a direita, bate fraco e Hugo Sousa aceita, dando números finais ao confronto. Terceira falha nos últimos 4 jogos do goleiro.

Ao final da partida, torcedores pegaram no pé do time e do goleiro, devido a atuação desta noite.

Recorde batido

Com a vitória sobre os peruanos, o Flamengo faz a melhor campanha da história do Clube na fase de grupos da Libertadores. Isso porque fez os mesmos 16 pontos, feito em 2007, porém com um maior saldo de gols.

Vem clássico aí

Agora, o Flamengo vira a chave e pensa no clássico contra o Fluminense, pelo Brasileirão. Os clubes se enfrentam no maracanã, no próximo domingo, às 18h.

Twitter: @diego_alarconf

Comentários do Facebook