Foto: Alexandre Vidal/Flamengo
Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Sabe aquela informação que é noticiada e você não acredita? Pois é, essa é uma delas. Pode parecer brincadeira, ou até fake news, mas é verdade. Abel Braga, que dirigiu o Flamengo do início de 2019 até maio, exige dinheiro das premiações, por ter “participado” da trajetória rubro-negra nas competições. A informação é de Gilmar Ferreira, do Jornal Extra.

Atualmente, Abel é treinador do Vasco, clube que disponibilizou o advogado para cuidar do caso. Paulo Reis, será o responsável para defender o treinador nesta causa. O técnico dirigiu o Flamengo em 28 jogos oficiais. No total foram 18 vitórias, seis empates e quatro derrotas – aproveitamento de 64%, com 54 gols marcados e 24 sofridos.

Sob direção de Abel, o Flamengo conquistou a Copa da Flórida, a Taça Guanabara e o Estadual. Na Libertadores, o time passou em primeiro, no sufoco, podendo até ser eliminado da competição. No Brasileirão, deixou o time em segundo colocado, 8 pontos atrás do então líder Palmeiras. Mesmo assim, o treinador acha que tem direito nas premiações do Brasileirão e Libertadores.

Comentários do Facebook

1 COMENTÁRIO

  1. Isso não pode ser verdade, não é atitude de um homem íntegro e honesto como eu imaginava que fosse o Sr. Abel Braga.
    Lamentável a tentativa de extorsão sem cabimento nem base legal, o Flamengo não tem nada a ver com o fato dele estar trabalhando sem receber desse time medíocre que é o vascu sem grana.
    Tá se rebaixado e jogando o nome dele no lixo, não adianta vir com o Piris na mão querendo esmola que não vai ter Sr. Abel sem noção Braga