O Galo será julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por sua torcida ter entoado cantos homofóbicos, no Mineirão, durante a partida contra o Flamengo pela Copa do Brasil. As informações são do jornal O Tempo.

A intimação tem como base o artigo 243-G do Código Brasileiro de Justiça Desportiva por “ato” descriminatório” promovido pelos alvinegros. O árbitro Luiz Flávio de Oliveira, também será julgado por não ter relatado o ocorrido na súmula. O julgamento será nesta quinta-feira (21) às 10h. O clube de Belo Horizonte será julgado, também, por lançamento de objetos em campo.

Enquanto isso, o Flamengo se prepara par enfrentar o Juventude hoje (20) no Mané Garrincha, pelo Campeonato Brasileiro. Na Copa do Brasil, em sorteio realizado hoje, o Mais Querido conheceu seu adversário: enfrentará o Athletico (com h) do Paraná que continua na competição.

SRN

Sílvia Lima

Comentários do Facebook