Reprodução

Durante um programa na televisão espanhola, o jornalista Pedro Bravo, chamou o jogador brasileiro Vinícius Júnior de “macaco”. Depois da ofensa, torcedores, jornalistas e companheiros do mundo da bola se manifestaram em apoio ao eterno Garoto do Ninho. A lenda do futebol mundial, Pelé, em suas redes sociais, levantou a “#BailaViniJr”.

O jogador se pronunciou em vídeo na Web e afirmou que “são danças para celebrar a diversidade cultural do mundo”. Confira a postagem:

“Há semanas começaram a criminalizar as minhas danças. Danças que não são minhas, são do Ronaldinho, do Neymar, do Paquetá, do Pogba, do Matheus Cunha, do Griezmann e do João Félix. Dos funkeiros e sambistas brasileiros. Dos cantores latinos de reggaeton e dos pretos americanos. Aceitem, respeitem ou surtem. Eu não vou parar”.

Até quando? Vini Jr. é chamado de “macaco” e Neymar sai em defesa

SRN

Sílvia Lima

Comentários do Facebook