Reprodução

Não foi dessa vez, de novo. Em sua segunda experiência no mundo da política, Eduardo Bandeira de Mello, ex-presidente que ajudou na reestruturação do clube, mais uma vez foi derrotado nas urnas eletrônicas. Dessa vez, o ex-mandatário rubro-negro concorreu a prefeitura do Rio de Janeiro, obtendo 65.290 votos, aproximadamente 3% dos votos válidos. O resultado deixou Bandeira em oitavo lugar.

Em 2018, já para deixar a presidência do Fla, Bandeira concorreu ao cargo de Deputado Federal e também ficou de fora, pois obteve na ocasião somente 38.500 votos. Outro dirigente ligado rubro-negro, que também concorreu à Prefeitura, foi o ex-CEO do clube, Fred Luz. Com 46.236 votos, ficou em nono.

 

Comentários do Facebook