Reprodução: Internet

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, confirmou a realização do Desfile das Escolas de Samba em 2022 por causa do Flamengo. Segundo Paes, o protocolo realizado pelo rubro-negro para o retorno do público aos estádios serviu como caso de sucesso. Dessa forma, a organização do maior evento cultural do Brasil seguirá o modelo do Fla, em prevenção contra a COVID-19.

Em pronunciamento nas redes sociais, o prefeito do Rio esclareceu algumas dúvidas acerca do Carnaval na cidade maravilhosa. Enquanto a nova variante Ômicron avança na Europa e contabiliza alguns casos no país, a insegurança sobre eventos públicos retorna para os grandes eventos. Nesse sentido, Eduardo Paes explicou que o feriado que traz grande movimentação de pessoas nas ruas da capital carioca está garantido em partes. Exemplo disso são os blocos de rua, que, ao contrário dos bailes de clubes e do desfile na Sapucaí, não tem definição.

Isso aconteceu porque, de acordo com o prefeito, não tem como garantir que todos os foliões dos blocos estão imunizados contra a COVID-19. Por outro lado, seguindo o protocolo realizado pelo Flamengo, a prefeitura consegue controlar quem poderá frequentar ou não o final de semana na passarela do samba. Assim, as arquibancadas que foram comparadas aos do Maracanã por Paes, vão ter mais segurança sanitária para o público presente.

Twitter: @Victor_Andrade4.

Comentários do Facebook