No Al-Hilal, possível adversário do Flamengo na semifinal do Mundial de Clubes, não é só Cuéllar que tem alguma relação com o time rubro-negro. O atacante francês Bafétimbi Gomis, ex-Lyon, Olympique de Marselha e Galatasaray, entre outros, revelou em entrevista nesta sexta-feira, em Doha, que chegou a se vestir com as cores do clube brasileiro na infância.

– Eu tinha um uniforme do clube quando era criança – disse, antes de elogiar o técnico Jorge Jesus, com quem trabalhou no clube saudita:

– “Jesus é o melhor, alguém que me ajudou a evoluir esportivamente, a me tornar um atacante mais agressivo”

Gomis, de 34 anos, está há duas temporadas no Al-Hilal e tem 41 gols marcados em 55 jogos pelo clube – média bem parecida com a de Gabigol no Flamengo, cerca de 0,75 por partida. É uma das armas da equipe para enfrentar o Espérance, pelas quartas de final, neste sábado

Comentários do Facebook