Bruno Henrique comemorando o segundo gol da partida. Foto: Alexandre Vidal

Após 45 anos o Flamengo foi até a Arena da Baixada e conseguiu uma vitória, jogo que manteve a equipe Rubro-Negra na liderança do campeonato com 8 pontos de diferença em relação ao Palmeiras e agora 10 pontos sobre o Santos. Em uma partida que a atenção fez a diferença para ambos os lados, o time do Mister conseguiu superar as dificuldades e nuances do jogo. Com uma má atuação do juiz Bráulio da Silva, Flamengo teve 2 pênaltis não marcados a seu favor e 2 cartões amarelos duvidosos para Everton e Bruno Henrique que ficarão fora da próxima partida. Vamos às análises:

Bruno Henrique comemorando o segundo gol da partida. Foto: Alexandre Vidal

Foto: Alexandre Vidal 

| Diego Alves – Nem sempre o Flamengo terá um jogo fácil e quando a bola passa pelos defensores tem que ter alguém no gol que garanta o placar. Todo time campeão se fez com um ótimo goleiro, vide Bruno em 2009. Diego Alves é fenomenal, o seu nível técnico e velocidade de reação impressionam. Craque do jogo que garantiu a vitória. 9,0

| Renê – Já havia dito, Renê defensivamente sabe o que faz como poucos. Hoje conseguiu uma assistência e boas roubadas de bola, mesmo com dificuldades técnicas ficou longe de fazer uma má partida. 7,0

| Marí – Uma partida excepcional do xerife da zaga. Pablo tem se mostrado um líder para o time e Jorge Jesus, se adaptou rápido ao idioma e ao estilo de jogo do Brasil. Hoje fez uma leitura das jogadas que anulou as jogadas pelo seu lado e o time do Athletico jogou apenas em cima de Rhodolfo. 8,0

| Arão – Arão vem se tornando protagonista também desse time com grandes craques, sabe conciliar como ninguém quando subir para ajudar o ataque e fazer a cobertura na zaga. Hoje Gerson ficou um pouco mais marcado e Arão fez boas distribuições. 7,5

| Everton RibeiroÉ aquele jogador que faz a diferença em um lance, tirou um belo passe de calcanhar da cartola e ajudou o Flamengo a encontrar o segundo gol. 7,0

| Bruno Henrique – Bruno é o único jogador que briga com o Gabriel o prêmio de melhor jogador do campeonato e talvez do ano de 2019. Completo, faz gol de cabeça, chutes de perto e longe. Hoje fatal mais uma vez deixou sua marca. 8,5

 

Jorge Jesus será desafiado mais ainda, com quase 7 desfalques para a próxima partida, o treinador terá que continuar fazendo água virar vinho para manter série invicta na próxima partida fora de casa contra o fortaleza.

 

Comentários do Facebook