Foto: Divulgação Internet
Foto: Divulgação Internet

A pandemia que está causando o caos mundial chegou até o Flamengo. Nesta quinta-feira, o primeiro caso foi com o vice-presidente de embaixadas, Maurício Gomes de Mattos, que está com o maldito vírus. Desta vez, a funcionária Anyelli Silva, de 20 anos, está com suspeita de ter contraído o vírus e por isso foi afastada de suas atribuições no clube. Anyelli foi encaminhada para o hospital Miguel Couto, na Gávea e foi orientada a ficar 5 dias em casa.

Anyelli Silva trabalha na equipe de Marketing do clube. Uma das suas principais funções é auxiliar os sócios torcedores nas ações do clube. A funcionária está afastada desde sábado passado, no último clássico contra o Botafogo, devido a suspeita do coronavírus.

Caso seja confirmado, esse será o segundo caso no clube. O primeiro, como já informado, é do vice-presidente de Embaixadas e Consulados, Maurício Gomes de Mattos. Ele está internado em Brasília e aguarda o resultado do exame.

Comentários do Facebook