Foto: Reprodução/Andreas Pereira

Andreas Pereira chegou ao Flamengo em agosto de 2021, e logo foi abraçado pela Nação. Presente na premiação do Bola de Prata, da ESPN, o meio-campista avaliou a temporada do time rubro-negro após o fim do Campeonato Brasileiro, falou sobre a falha cometida na final da Libertadores, que culminou no gol Palmeiras (que se sagrou campeão), e revelou que sente que deve um título para a torcida flamenguista.

“Foi um dia marcante pra mim, emocionante. A Nação me abraçou depois do que aconteceu (falha decisiva na final da Libertadores). Eu sou eternamente grato por isso”, disse Andreas antes de continuar.

“Claro, eu estou com um sentimento de que devo um título para a torcida. Como disse pra eles, podem contar comigo, vou fazer o meu melhor para que no ano que vem a gente possa sair com esses títulos aí”, afirmou.

Ainda na entrevista, o meio-campista revelou insatisfação com os resultados do clube, lamentando o fato da equipe ter batido na trave em decisões, alem disso, falou sobre as conversas para sua permanência no clube carioca.

“Acho que foi um ano complicado. A gente chegou perto, chegamos numa final (de Conmebol Libertadores), não podemos esquecer, fomos vice do campeonato. Não estamos satisfeitos, queremos ganhar tudo o que pode e vamos trabalhar para isso. Para o ano que vem, vamos acertar os detalhes”, disse.

“Meu desejo sempre foi ficar aqui no Flamengo, e agora vamos fazer de tudo. Vamos conversar com o presidente Landim e com o Marcos Braz para fazer isso possível”, salientou Andreas.

Vale lembrar que, Andreas está emprestado pelo United ao Flamengo até o final da temporada europeia de 2021/22 – ou seja, até junho do ano que vem. Para comprá-lo, o Mengo precisaria desembolsar 15 milhões de euros (R$ 95,03 milhões), contudo, o clube carioca promete reabrir negociação com o time inglês, para diminuir a quantia.

SRN

Instagram: @monicaalves_

Comentários do Facebook