Flamengo
Paula Reis/CRF

Jorge Bichara assumiu o cargo de consultor técnico do Clube de Regatas do Flamengo. O ex-diretor de Esportes do Comitê Olímpico do Brasil (COB), área que conduziu por 17 anos, foi responsável pelas melhores campanhas do país em Jogos Pan-Americanos, em Lima-2019, e Jogos Olímpicos, em Tóquio, em 2021. Bichara acumula a função com a de diretor técnico da CBAT.

“A responsabilidade do Flamengo com o esporte brasileiro só aumenta. Além da detecção de talentos, temos compromisso com uma Escola de Esportes eficiente, com a iniciação esportiva de qualidade, com a transição e a lapidação de jovens e com a captação de recursos para o alto rendimento. Queremos o Flamengo sempre no lugar mais alto do pódio. Além disso, nosso sarrafo no Movimento Olímpico subiu. Queremos mais medalhas em Paris. O Bichara foi o grande mentor do Comitê Olímpico Brasileiro em vários ciclos olímpicos. Sua consultoria trará novos vetores de investimentos e de treinamentos. Vamos chegar mais perto do que existe de melhor no mundo. Os esportes olímpicos do Flamengo estarão, cada vez mais, agregando valores para justificar a fama de Orgulho da Nação”, disse o vice-presidente de esportes olímpicos, Guilherme Kroll.

Bichara tem 53 anos, é formado em Educação Física pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e pós-graduado em Administração Esportiva pela Fundação Getúlio Vargas.

Com a palavra….

Bichara explicou que, como consultor, auxiliará o clube no trabalho individualizado com os atletas com potencial para resultados em Jogos Pan-Americanos e Olímpicos.

“Vou somar à equipe já existente no Flamengo, focando principalmente no planejamento, no caminho que os atletas olímpicos podem trilhar para obter resultados internacionais expressivos. Os esportes olímpicos do clube são auto sustentáveis e completamente separados do futebol. Fiquei muito bem impressionado com os números de estruturação dos últimos dez anos, hoje o clube tem uma estrutura muito qualificada com profissionais de alto nível”, elogiou Bichara.

“O Flamengo tem um histórico de participações olímpicas e pan-americanas e hoje conta com nomes com potencial de chegar à equipe olímpica e com atletas com capacidade de chegar ao pódio. O resultado em Tóquio já foi muito bom, mas um clube com a grandeza do Flamengo tem potencial para aumentar esse número. Vamos em busca de mais medalhas em Paris. Temos de aproveitar tudo o que o Flamengo proporciona em prol do esporte olímpico”, encerrou.

Twitter:@diego_alarconf

Comentários do Facebook