Bruno Henrique pronto para iniciar a coletiva de imprensa. Foto: Flamengo
Bruno Henrique pronto para iniciar a coletiva de imprensa. Foto: Flamengo

Na véspera de um ano da terrível tragédia que aconteceu no Ninho do Urubu, o atacante Bruno Henrique concedeu uma entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira, no CT George Helal. Para Bruno, uma das formas de amenizar a dor dessas lembranças, é entrar em campo e vencer.

“Vai ser uma dor para sempre. Completa um ano amanhã da tragédia. A gente sabe que a melhor forma de tentar amenizar um pouco essa dor é entrar em campo e vencer. Creio que o Flamengo tem pessoas competentes para lidar com esta situação fora de campo. Vamos dar o nosso melhor em campo para vencer. Só assim para amenizar esta dor” – disse Bruno Henrique.

Antes da partida contra o Madureira, que acontecerá neste sábado, às 18h, no Maracanã, a diretoria do Flamengo está preparando uma homenagem para os jovens. Os jogadores entrarão em campo com os nomes das vítimas nas camisas, além de uma arte no uniforme com os dizeres “Nossos 10”. Torcedores também se mobilizam para homenagear os garotos.

Confira outras partes da entrevista coletiva de Bruno Henrique.

Renovação

Meu desejo falou mais alto de ficar e ter novos desafios pela frente. Encarar com naturalidade. As negociações foram tranquilas. Por tudo que aconteceu comigo em 2019. Recebi propostas para sair, melhores do que ficar. Eu conversei com minha família, optamos ficar. Estamos super à vontade no Flamengo. Estrutura enorme, muitos clubes europeus não tem.

Início de temporada do elenco principal

Vejo um início muito bom. Em poucos dias de trabalho já entramos em campo, fizemos uma boa partida. Dia 16 já tem uma final, né? Tenho certeza que estaremos muito mais preparados para este jogo.

Pré-temporada?

Ficamos até surpresos. Na reunião, segunda-feira, o Mister já disse que iríamos jogar na segunda. Até nos olhamos (risos). Ele sabia que a gente poderia estar em campo com a programação que fizeram. Super bem tranquila para a gente estar bem. Ele (Jorge Jesus) falou para a gente se preparar bem que nossa pré-temporada seria os jogos. Estamos nos sentindo super bem para fazer a nossa pré-temporada até chegar ao nosso melhor ritmo.

Preparação rápida

Em uma semana a gente já estava em campo. Suportamos super bem. O pessoal que cuida da parte física comentou com a gente. Assim que a gente projeta o nosso ano. Iniciar bem na parte física para chegar bem no final. Confiamos na preparação que fizeram para a gente. Deixaram claro que alguns jogadores iriam sentir o ritmo em algum momento. Lidamos com muita naturalidade. Sabemos que o começo é forte.

Parte física

Fico feliz de ser lembrado pelo Mario (Monteiro). Ele é um grande preparador físico. Não só eu, mas todos os jogadores se dedicaram nas férias. Eu fui pouco (risos), não fui muito, não (risos). Eu me condiciono muito rápido. Todos tiraram um tempinho para ficar bem. O Mister ficou até surpreso.

Supercopa, contra Athletico-PR, dia 16/02

Fomos eliminados pelo Athletico (na Copa do Brasil).Vai ser um jogo totalmente diferente. Vamos entrar para dar o nosso melhor, e respeito dentro de campo por tudo que a gente fez em 2019. Será totalmente outro jogo.

Comentários do Facebook