Flamengo
Staff by Conmebol

A quarta-feira foi mágica para o torcedor Rubro-Negro. Isso porque o mais novo reforço do Clube, Arturo Vidal, chegou no fim da tarde ao Rio e o Flamengo deu show na Libertadores. Nesse sentido, aos olhares de 61 mil torcedores, o time de Dorival Júnior, não tomou conhecimento do Tolima, no jogo de volta, das oitavas de final e aplicou uma sonora goleada de 7×1, com direito a quatro gols de Pedro.

Resumão da goleada do Flamengo

A partida começou com o Tolima jogando no campo de ataque, mas sem causar perigo para a defesa. Com isso, logo em seguida, o Fla tomou conta do jogo e logo abriu o placar com Pedro. Aos 4 min, o atacante recebeu lindo passe de Arrascaeta e mandou rasteiro para o fundo das redes. O gol desestabilizou o Tolima, que passou a ver o Flamengo jogar e aumentar o placar aos 20 min.  Arrascaeta toca para Pedro na grande área, e ele dá um lindo toque de calcanhar para Gaibol. O camisa 9 finaliza, Cuesta faz a defesa parcial, mas a bola toca em Quiñones e entra. Com o resultado a favor, o time da casa só administrou até o apito final da primeira etapa.

Já o segundo tempo fez o ingresso valer a pena. Com um Flamengo avassalador, desde o começo da etapa, com o gol de Pedro logo no primeiro minuto, o Flamengo fez mais 5 gols (Pedro mais 2 vezes, Gabigol e Matheus França). O Tolima ainda descontou com o zagueiro Cuesta, mas pouco pode fazer contra um Flamengo que fez sua melhor partida na temporada. É possível se dizer que o 7×1, ficou barato ainda.

E agora?

Com a goleada, o Rubro-Negro passou para as quartas de final da competição continental. O adversário será o Corinthians, que passou pelo Boca Júniors, na última terça-feira.

Próximo desafio

O Flamengo volta sua atenção agora para o Campeonato Brasileiro. Por coincidência, o adversário também será o Corinthians, na Neo Química Arena, em Itaquera. O duelo das duas maiores torcidas do País acontecerá no próximo domingo, às 16h. O Flamengo ocupa a oitava colocação na tabela com 21 pontos, enquanto os paulistas estão em quarto, com 26.

Twitter: @diego_alarconf

Comentários do Facebook