Fla
Marcelo Cortes/CRF

O Flamengo foi à São Paulo e conseguiu seu objetivo: Trazer uma vantagem da partida diante do Corinthians, para o Maracanã. Isso porque em partida válida pela “ida” das quartas-de-final da Libertadores, o Flamengo venceu seu rival paulista, na Neo Química Arena por 2×0 e tem uma boa gordura para o jogo de volta.

Resumão

Um erro de saída de bola do Flamengo logo aos três minutos esquentou o jogo cedo. Gustavo Mosquito recebeu de Yuri Alberto na grande área e bateu cruzado para boa defesa de Santos. O Flamengo, bem marcado, só chegou com perigo aos 16 minutos, quando Arrascaeta deu belo passe para Pedro, que acabou se enrolando com a bola. A partir daí, quando os donos da casa pararam de pressionar, o Flamengo começou a se sentir mais à vontade em campo. Melhor na etapa, o Rubro-Negro abriu o placar com um golaço de Arrascaeta aos 36 minutos. Cantillo vacilou, e a bola sobrou para o uruguaio bater colocado, sem chance para Cássio. O Corinthians reclamou muito de toque de mão de João Gomes na disputa, mas a arbitragem confirmou o gol, que deu números finais a primeira etapa.

No segundo tempo, seguiu-se o panorama dos minutos finais do primeiro. O Flamengo bem na partida e o Cortinhians, que mexeu na equipe, tentando se encontrar, mas sem muita efetividade. Com isso, o rubro-negro acabou chegando ao segundo gol, com Gabi. Rodinei pasa por Fausto Vera e acha Gabigol, que domina depois de Balbuena furar a tentativa de corte. O camisa 9 dá uma bela chapada de canhota e amplia o placar.

 

E agora?

Com a vitória fora de casa, o Flamengo tem a vantagem de perder por até um gol na partida de volta, no Maracanã, que mesmo assim se classifica para as semifinais do torneio nacional.

Próximo Compromisso 

O confronto de volta com o Corinthians, acontecerá no dia 9, no Maracanã. Porém, antes, o rubro-negro tem compromisso pelo Campeonato Brasileiro. O time de Dorival Júnior, encara o São Paulo, no Morumbi, no próximo sábado, às 20h30.

Twitter: @diego_alarconf

Comentários do Facebook