Paulo Sousa
Fotos: Gilvan de Souza/Flamengo

O Flamengo entrou em campo afim de conseguir o tetracampeonato carioca seguido. Entretanto, o rubro-negro precisava vencer o Fluminense por pelo menos três gols de diferença para levantar o troféu, mas ficou apenas no empate em 1×1. Com uma péssima atuação, principalmente do setor ofensivo e de criação do time, o técnico Paulo Sousa Falou sobre a partida.

Todas as vezes que jogamos contra o Fluminense, nas duas primeiras, fomos muito superiores. Hoje, não. Hoje nosso adversário criou-nos muito mais dificuldade, esteve muito bem. Tenho que dar os parabéns ao Abel e toda a equipe. Mas, temos a oportunidade de conseguir, já na próxima terça, voltar à paz. Lamber bem as feridas, que são grandes, de forma a podermos direcionar-nos à vitória” , Disse paulo sousa.

O treinador também falou sobre seu sistema tático e também sobre o possível problema com Diego Alves.

“Normalmente minhas equipes nao tem só um sistema, temos outros sistemas, mas precisamos consolidar um sistema. Tenho as minhas convicções, metodologia, minhas lideranças. Leva-se tempo a alinhar todos no mesmo caminho”.

“Nao houve conflito nenhum e se um dia houver, tem um processo disciplinar e, não estará conosco (qualquer atleta). “A liderança vai se fazendo, vai se ditando. Eu sou uma pessoa para o bem, procuro liderar com um maximo de respeito para a mim para o grupo e procuro utilizar o futebol para poder educar, olhando para mim mesmo”

Paulo Sousa agora tem a Libertadores pela frente, afim de apagar a má imagem deixada no Campeonato Carioca. Com isso, o rubro-negro viaja até o Peru, onde na próxima terça-feira, encara o Sporting-Cristal pela primeira rodada da fase de grupos da competição continental.

Twitter: @diego_alarconf

Comentários do Facebook